Voltar a vencer em casa é

Voltar a vencer em casa é a finalidade do Vitória, neste sábado, contra o Criciúma. O rubro-negro quer sair do desconfortável Z4 e se reabilitar dos dois últimos insucessos conquistando mais três pontos para alcançar 34.

Até a derrota diante do Cruzeiro, por 1 a 0, dia 12, o Vitória vinha sendo um mandante indigesto no Barradão neste returno: em cinco jogos, ganhou três, empatou um e perdeu outro.

Diante do Criciúma, o time terá o retorno do lateral-direito Nino. O meia Marcinho, no entanto, será desfalque porque não melhorou das dores no adutor da coxa direita apesar do tratamento intensivo feito durante a viagem de retorno de Cuiabá.

O grupo se reapresentou na tarde desta sexta-feira e finalizou a preparação para a partida contra o Criciúma.

Quem atuou mais de 45 minutos contra o Corinthians participou de atividades regenerativas na academia, enquanto os demais de trabalhos técnicos no Barradão com o assistente técnico Éder Bastos e supervisão de Ney Franco.

O treinador Ney Franco relacionou 20 jogadores para a partida deste sábado, às 17h30, no Barradão:

Goleiros: Roberto Jr e Wilson;
Laterais: Nino Mansur, Juan e Euller;
Zagueiros: Kadu, Roger Carvalho e Ednei;
Volantes: Adriano, Cáceres, José Welison e Richarlyson
Meia: Luis Aguiar
Atacantes: Dinei, Edno, Guillermo Beltran, Willie, Vinícius e William Henrique.

O volante Marcelo, que se recuperou de uma contusão no joelho, iniciou a fase de transição com o professor Lucas Penha, da equipe de fisiologia.

A concentração foi iniciada na chácara Vidigal Guimarães assim que foi encerrado o treinamento nesta sexta à tarde.