Vitória x Paraná: Vencer em casa rumo ao G4

Pontuar apenas não é o suficiente. Se quiser manter-se próximo aos primeiros colocados, o Vitória precisa voltar a vencer. Este será o objetivo do time baiano no confronto de seis pontos contra o Paraná, nesta terça-feira, às 21h50, no Barradão, em Salvador, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O empate sem gols contra a Ponte Preta, em Campinas, foi visto com bons olhos pela comissão técnica do time rubro-negro. No entanto, o técnico Geninho só pensa na vitória para, quem sabe, terminar a rodada dentro do G4. Hoje, o clube é o sétimo colocado, com 11 pontos.

Os quatro primeiros, contudo, não estão tão distantes. O Paraná, inclusive, é o terceiro colocado, com 14 pontos, empatado com os outros três integrantes do G4, Portuguesa, Ponte Preta e Americana. Perde para Portuguesa e Ponte Preta apenas no saldo de gols. Na rodada passada, o Tricolor bateu o Icasa, por 2 a 0.

Marquinhos foi relacionado

Ataque reforçado
Para vencer e, se possível, com mais de um gol, o técnico Geninho aposta nos reforços de Marquinhos e Neto Baiano. O primeiro foi contratado na última semana do Flamengo e foi relacionado para o jogo. No mínimo, ficará no banco. Já Neto Baiano está recuperado e também volta.

O problema é que o ataque já conta com o veterano Edu, ex-Internacional e São Paulo, e Rildo, que foi muito bem contra a Ponte. A principal dúvida do treinador é justamente definir qual será a dupla de atacantes. Existe até a chance mais remota de que a dupla vire um trio.

A única certeza é de que o zagueiro Maurício, que estava suspenso, retorna ao time titular ao lado de Alison. Desta forma, Gabriel Paulista, titular, no jogo passado disputa um lugar no banco de reservas com Léo Fortunato.

“Contra a Ponte nosso time se portou bem defensivamente. Tanto que eles praticamente não entraram dentro da nossa área”, afirmou Geninho. “Agora, nosso ataque poderia ter caprichado mais no último passe e nas conclusões”, alertou.

Fonseca vai mexer no time

Mudanças, sim senhor!
Em time que está ganhando não se mexe, certo? Não é bem assim na visão do técnico do Paraná, Roberto Fonseca. Apesar da vitória, por 2 a 0, na última sexta-feira, o treinador vai promover quatro alterações. Uma delas será por conta da suspensão do meia-atacante Jéfferson Maranhão, que recebeu o terceiro cartão amarelo. No treinamento realizado na Vila Capanema, na manhã desta segunda-feira, Fonseca utilizou Léo ao lado de Giancarlo.

As outras três modificações se devem aos retornos do lateral-direito Lisa, do zagueiro Cris e do volante Serginho, que estavam suspensos. Eles entram nas vagas de Júlio César, Luciano Castán e Cambará, respectivamente.

“Estamos encarando este jogo como uma verdadeira decisão, com o pensamento de somar pontos sempre fora de casa. Assim, podemos atingir nosso objetivo principal: retorno à Série A”, analisou Lisa.

Local
Barradão, em Salvador

Árbitro
Emerson Luiz Sobral (PE)

Assistentes
Alcides Augusto de Lira Júnior e Roberto José de Oliveira (PE)

Vitória

Fernando Leal;
Nino, Alison, Maurício e Fernandinho;
Rodrigo Mancha, Zé Luís, Neto Coruja e Geovanni;
Edu (Neto Baiano) e Rildo (Marquinhos).

Técnico: Geninho

Paraná

Zé Carlos;
Lisa, Cris, Amarildo e Lima;
Júnior Urso, Everton Garroni, Serginho e Wellington;
Léo e Giancarlo.

Técnico: Roberto Fonseca