Vitória x ASA – Leão convoca 12º jogador para superar o visitante

O Vitória quer acabar de uma vez por todas com a sua irregularidade no Campeonato Brasileiro da Série B. E para isso espera contar com o apoio de seus torcedores no duelo contra o ASA, neste sábado, às 16h20, no Estádio Barradão, em Salvador, pela última rodada do primeiro turno.

“Precisamos transformar o Barradão em nosso caldeirão. Quando a torcida vê que o time está se entregando em campo e buscando a vitória, ela nos apoia. E vamos fazer de tudo para que a nossa casa faça a diferença”, afirmou o técnico Vágner Benazzi.

O Leão vem de dois tropeços nas últimas duas rodadas e, por isso, viu o G4 se distanciar. Depois da derrota para o Criciúma (2 s 1) e do empate com o São Caetano (2 x 2), ambos fora, o time baiano caiu para a zona intermediária, com 24 pontos, bem no meio do caminho entre G4 e zona de rebaixamento.

Enquanto isso, o ASA tenta ainda vencer a primeira como visitante, para poder encostar nos primeiros colocados. O problema do time alagoano é superar o péssimo retrospecto longe de Arapiraca. Em nove jogos, foram dois empates e sete derrotas. Após a vitória sobre o Bragantino, por 2 a 1, na rodada passada, o Alvinegro chegou aos 27 pontos.

Estreia relâmpago
Apresentado oficialmente no início dessa semana, o meia Preto nem bem chegou ao Vitória e já fará sua estreia. Com passagens por Portuguesa e Guarani, Preto é homem de confiança do técnico Vágner Benazzi, que pediu a sua contratação. O meia se juntou ao elenco no início dessa semana e em todos os trabalhos apareceu entre os titulares. Ele terá a função de armar as jogadas com o experiente Lúcio Flávio.

“Como eu coloquei desde que cheguei, eu vim aqui para ajudar, respeitando como fiz em todos os clubes que passei. Graças a Deus em todos praticamente fui titular e tive passagens boas e aqui não quero que seja diferente. Benazzi está optando por mim e espero entrar em campo e dar o meu máximo”, afirmou o meia.

Preto irá entrar na vaga de Mineiro, deixando o sistema de marcação do meio-campo com Neto Coruja e Uelliton, já que o volante Zé Luís cumpre suspensão automática. A dúvida do treinador está justamente na defesa. Alison retorna de contusão e foi testado ao lado de Gabriel Paulista, mas na quarta-feira a dupla formada por Léo Fortunato e Maurício começou o treinamento como titular.

Vica terá desfalques

Desfalques no ASA
Para quebrar esse jejum, o técnico Vica não poderá contar com três jogadores. O lateral-esquerdo Chiquinho Baiano recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão automática, enquanto o volante Fabinho Romão e o meia Léo Dias foram vetados pelo departamento médico. Esse último passou por uma cirurgia e não jogará mais nesta Série B.

Para as vagas que estão abertas, Vica tem algumas dúvidas. Na lateral-esquerda, Sérgio Bueno aparece como opção depois de ter se recuperado de contusão, mas o zagueiro Ferreira pode ser improvisado. No meio-campo, a briga fica com Cal, Jorginho e Marcelo Costa, mas o primeiro leva vantagem.

“Nosso desempenho em casa é impecável, mas se quisermos brigar por algo a mais nesta Série B precisamos também pontuar fora de casa. Sabemos das dificuldades que vamos encontrar em Salvador, mas queremos nossa primeira vitória como visitante”, destacou o treinador.

Protestos
Nesta semana, houve uma reunião do Conatorg (Confederação Nacional de Torcidas Organizadas) com a intenção de promover um protesto contra o presidente da CBF, Ricardo Teixeira. Até o momento, cinco times garantiram que irão fazer protestos, são eles: Força Jovem (Goiás), Féria Independente (Guarani), Fanáutico (Náutico), Leões da Fabulosa (Portuguesa) e Torcida Jovem (Ponte Preta).