Vitória perde para o Palmeiras na estreia do Brasileirão 2010

O Vitória jogou bem mas perdeu diante do Palmeiras por 1 a 0 em sua estréia na Série A do Brasileirão neste sábado, 8, às 18h30, no Estádio Palestra Itália. Prejudicado com a expulsão de Wallace no lance que originou o pênalti palmeirense, o time rubro-negro jogou com homem um a menos durante quase metade do segundo tempo.

O jogo começou equilibrado, bem disputado no meio de campo. O Vitória dificultava as ações do Palmeiras com uma marcação eficiente na intermediária. A primeira chance de gol veio com o alviverde paulista, aos 05 minutos, em cabeçada perigosa após cobrança de falta de Vitor área rubro-negra.

Aos 27, o Palmeiras chegou novamente com perigo em jogada de bola parada. Após cobrança de escanteio de Cleiton Xavier, Léo cabeceou sozinho na pequena área rubro-negra, mas a bola saiu pela linha de fundo.

A melhor chance do Vitória no primeiro tempo veio em cabeçada de Júnior após cruzamento de Egídio, aos 36 minutos, forçando Marcos a grande defesa pelo alto.

O segundo tempo começou com o time paulista melhor em campo. Aos 11 minutos, o Palmeiras perdeu uma de suas melhores oportunidades de abrir o placar com Robert, que chutou para fora, frente a frente com Viáfara, após passe de Ewerthon pelo lado direito.

Em lance duvidoso, o juiz marcou pênalti de Wallace em Ewerthon aos 16 minutos, e expulsou o zagueiro do Vitória. Robert cobrou a meia altura e Viáfara fez grande defesa.

Com um homem a mais em campo, o Palmeiras pressionou o Leão, que se encolheu em seu campo de defesa. O Palmeiras insistia nas jogadas pelo meio.

Aos 32 minutos, o alviverde paulista chegou ao gol em chute cruzado de Lincoln, após enfiada de bola de Cleiton Xavier pela esquerda.

O Vitória tentava sair em contra-ataque com Neto Berola, que entrou no lugar de Renato, aos 29 do segundo tempo, mas não conseguiu empatar.

O próximo confronto do rubro-negro baiano na Série A será contra o Flamengo no próximo dia 16, às 18h30, no Estádio Manoel Barradas.

Fonte: Atardeonline.com