Vitória perde chances e só empata com a Ponte

Em uma tarde de sábado de chances perdidas no ataque e solidez defensiva, o Vitória arrancou um empate em 0 a 0 com a Ponte Preta, em Campinas, e chegou à 11 pontos na tabela da Série B, próximo do G4.  O goleiro Fernando também garantiu o placar para o Leão.

Vitória fez forte marcação, mas não conseguiu finalizar com qualidadeVitória fez forte marcação, mas não conseguiu finalizar com qualidade

O primeiro tempo começou com o time da casa levando perigo com o artilheiro da competição Ricardo Jesus, que quase marcou de cabeça aos 8 minutos. Aos 13, Renatinho bateu da entrada da área e exigiu bela defesa de Fernando.

O Vitória passou a levar perigo da metade pro final do primeiro tempo, principalmente com o incisivo atacante Rildo. Aos 24 minutos, Geovanni recebeu dentro da área, limpou Júlio César e bateu na rede do lado de fora. Aos 29, Rildo entrou na área e foi travado em cima da hora. Aos 38, Rildo mais uma vez entrou na área mas Júlio Cesar saiu arrojado para envitar o gol Rubro-negro.

Na segunda etapa, o Vitória continuou melhor e Geovanni quase abriu o placar num belíssimo chute de fora da área, que atingiu a trave direita do gol, aos 7 minutos. O treinador pontepretano, Gilson Kleina sacou R. Jesus e colocou o ex-rubro-negro Soares.

Aos 27 minutos, Rodrigo Mancha salvou gol certo da Ponte embaixo da trave. A resposta do Vitória veio aos 29 novamente com Rildo, destaque do jogo, em chute que passou rente á trave esquerda.

O jogo seguia movimentado e cheio de chances perdidas, com o técnico Geninho do Vitória segurando as alterações até mudar dois jogadores de vez, com as crias da base Felipe e Edson, faltando 8 minutos para o fim do jogo. O time da casa pressionou até o último minuto e Fernando fez grande defesa em chute de Renatinho aos 44 minutos.

Ponte Preta (0): Júlio César; Guilherme, Leandro Silva, Ferrón e Uendel; Xaves (Jerson), João Paulo, Josimar e Renatinho; Ricardinho (Bruno Nunes) e Ricardo Jesus (Soares). Técnico: Gilson Kleina

Vitória (0): Fernando; Nino, Alison (Léo Fortunato), Gabriel Paulista e Fernandinho; Rodrigo Mancha, Zé Luis, Neto Coruja e Geovanni (Felipe); Edu (Edson) e Rildo. Técnico: Geninho.

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 25/06/2011
Horário:
16h20
Árbitro: Pablo dos Santos Alves (ES)
Assistentes:
José Maciel Linhares (CBF) e Vanderson Antonio Zanotti

fonte: arenanordeste.com