Vitória: Mais um empate

Entrando na partida pensando em se aproximar dos líderes, o Vitória acabou decepcionando e ficou no empate em 0 a 0 com o Atlético e chegou ao quinto resultado de igualdade no Campeonato Baiano.

No primeiro tempo marcado pelas poucas chances de gol, o Atlético começou bem o jogo, mas o Vitória acabou conquistando o equilíbrio durante a primeira etapa, só que nenhum dos times conseguiu fazer o gol.

A primeira oportunidade veio depois de um chute de fora da área do Atlético e com o desvio da bola, o goleiro Renan acabou salvando no desvio e quando a bola ia entrando para o gol, o lateral Romário afastou para escanteio.

Depois do susto o Vitória teve duas chances de fazer o gol, porém pecou na conclusão. O primeiro veio aos 22 minutos. Victor Ramos, curtindo uma de atacante, driblou o zagueiro e bateu forte e cruzado, porém o goleiro fez uma excelente intervenção e evitou o gol. Três minutos depois, Lúcio Flávio fez uma boa jogada e tocou para Dinei. O atacante, dentro da área, bateu fraco e o goleiro do Atlético defendeu, deixando a partida igualada na etapa inicial.

No segundo tempo, o Vitória marcou na primeira chance que teve, mas a arbitragem anulou o lance marcando impedimento do atacante Neto Baiano, após cobrança de falta do meia Lúcio Flávio.

Com maior volume de jogo, o Vitória teve duas grandes chances de abrir o placar em cobranças. Na primeira, Marquinhos cobrou falta com capricho e a bola balançou as redes, mas pelo lado de fora. Já a segunda oportunidade aconteceu depois de uma boa troca de passes. A redonda foi rolada para Geovanni e o meia bateu forte para uma grande defesa de Marcos Paulo.

Mesmo com o domínio na etapa final, o Vitória não conseguiu converter em gols as chances criadas e empatou em 0 a 0 com o Atlético.

Ficha Técnica:

Atlético (0): Marcos Paulo; Ademir, Rogério Sodré, Rodrigo e George; Leandro Biton, Garrinchinha (Antônio Carlos), Tácio (Noel) e Narciso (Jânio); Deon e Robert.
Técnico: Quintino Barbosa.

Vitória (0): Renan; Romário, Dankler, Victor Ramos e Mansur; Michel, Mineiro, Lúcio Flávio (Arthur Maia) e Marquinhos; Neto Baiano (Geovanni) e Dinei.
Técnico: Toninho Cerezo.

Local: Estádio Municipal Mariano Santana, em Serrinha (BA)
Data: 22/02/2012 (quarta-feira)
Horário: 22h (de Salvador)
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira(BA) e Marcos Welb Rocha de Amorim (BA).

fonte: arenanordeste.com