Vitória goleia o Vasco e sai da zona de rebaixamento

Na busca desesperada para sair da zona de rebaixamento, o Vitória não tomou conhecimento e goleou o Vasco por 4 a 2, na tarde deste sábado, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro da Série A e se afastou dos quatro últimos colocados.

O Vitória partiu para cima no começo do jogo tentando liquidar a partida e logo com menos de um minuto, o atacante Adaílton fez uma bela jogada individual e, mesmo trombando, acertou um belo chute abrindo o marcador para o Vitória.

Mesmo com o placar à frente, o Vitória tinha uma posse de bola inferior ao time carioca. Mas, o Rubro-Negro teve uma outra boa chance, quando Elkeson fez uma boa jogada pelo lado direito e cruzou para Egídio. Porém, o lateral, sozinho, acabou errando o alvo.

Após o gol, o Vitória continuou criando boas jogadas e ampliou o marcador aos 40 minutos, quando Elkeson chutou da entrada da área, e o goleiro Fernando Prass acabou falhando e o Leão colocou mais um gol à frente do time carioca.

E, antes de terminar o primeiro tempo, o Vitória marcou o terceiro gol. Quando, aos 47 minutos, Egídio fez um belo cruzamento e o goleiro Fernando Prass acabou rebatendo errado e Neto Coruja aproveitou de cabeça e colocou para o fundo das redes.

No segundo tempo o Vasco tentou assustar o Vitória ao fazer um gol logo aos 3 minutos, quando Fagner cobrou falta e o atacante Nunes, desviou, colocando a bola para o fundo das redes.

Porém, a reação vascaína durou somente 10 minutos, pois Júnior aproveitou um belo passe de Elkeson e chutou forte sem chances para o goleiro Fernando Prass, deixando o Rubro-Negro novamente com três gols de vantagem.

No final do jogo Fumagalli cobrou falta com perfeição e diminuiu o placar, mas não foi o suficiente para o Vasco empatar a partida.

Vitória 4 x 2 Vasco
Campeonato Brasileiro – Serie A – 32ª rodada
Data:
30/10/2010 (Sábado), às 15 (Horário de Salvador)
Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Arbitragem: Wilson Luiz (SP), auxiliado por Herman Brumel Van (SP) e Lúcio José Silva de Araújo.

 Vitória: Viáfara; Jonas, Wallace (Thiago Martinelli), Anderson, Egídio; Neto Coruja, Uelliton (Renato); Ramon, Elkeson (Ricardo Conceição); Júnior, Adailton. Técnico: Antônio Lopes.

 Vasco: Fernando Prass; Fagner, Cesinha, Jadson e Diogo (Nunes); Jumar, Rafael Carioca, Fellipe Bastos (Rômulo) e Felipe; Éder Luis (Fumagalli) e Zé Roberto. Técnico: PC Gusmão.