Vitória entra em campo precisando vencer

O confronto contra o Atlético-PR tem uma motivação especial para o técnico do Vitória, Ricardo Silva. A derrota diante do Fluminense no Maracanã, pela última rodada do Brasileirão, faz com o Vitória tenha a obrigação de vencer o último jogo antes da parada para a Copa do Mundo.

Para o técnico Ricardo Silva, a equipe tem o dever de vencer a partida contra o Furacão. O confronto entre as equipes será disputada no sábado, no Estádio Manuel Barradas, às 18h30, pela 7.ª rodada do Brasileirão.
No entanto a partida não será nada fácil, o Atlético-PR vem de uma impressionante vitória sobre a equipe do Botafogo, por 3 a 2, e buscará a reabilitação no campeonato. O Furacão tem 7 pontos ganhos e ocupa a 15ª colocação. Já o Vitória está na zona do rebaixamento, na 18ª colocação, com 5 pontos, e buscará a vitória para sair da zona de perigo.

Motivação
O técnico Ricardo Silva encara a partida, contra o Atlético-PR, no Barradão, com muita seriedade. Para o treinador só interessa os três pontos.

“Em um campeonato difícil como Brasileiro, pontuar fora de casa é bom. Não é excelente, excelente é ganhar. Vamos ter que ganhar sábado”, alerta.

Para o treinador, o Vitória não poderá cometer o mesmo erro contra o Flu dentro do Maracanã, que resultou na perda de mais uma partida por uma bobeira que o time cometeu no final do jogo.

Justifictiva
Ricardo Silva também justificou a escalação do lateral-direito Jonas inicialmente como um “falso” terceiro zagueiro e depois na função de volante.

“Ele se movimentou bastante e agradou no posicionamento. Primeiramente, como um terceiro zagueiro, e depois que Vanderson levou o cartão amarelo, ele passou atuar na função de volante e se houve bem”.

O técnico admite que o time precisa acertar mais os passes e quanto indagado o que fazer para Júnior não ficar “isolado no ataque”, explicou:

“A gente precisa ter mais velocidade do meio para o ataque e penetração”.

Furacão
Após estrear com uma vitória, o técnico Paulo César Carpegiani prepara a equipe atleticana para mais um desafio neste Campeonato Brasileiro. Para o jogo, o treinador não poderá contar com o lateral-direito Wagner Diniz, expulso contra o Botafogo.

“Sem confiança não existe. Se o jogador não tiver a determinação, nós não vamos poder usar uma característica dele em proveito da parte coletiva. Então a vitória nos deu mais confiança”, avaliou o treinador.

Situação favorável
O treinador Carpegiani comandou a equipe do Vitória no ano passado e espera que possa tirar proveito da situação para conseguir um bom resultado diante do Vitória, em pleno Barradão.

“O Vitória é uma ótima equipe e joga em casa. Sabemos que teremos muitas dificuldades. Se eu puder vou repetir a mesma equipe. Eu não modifico o meu time em função do adversário. Então existe uma concentração muito grande para esse jogo”, concluiu Paulo César Carpegiani.

Ficha Técnica

Vitória x Fluminense

Local: Estádio Manuel de Barros, Salvador-BA
Data: 05/06/2010
Horário: 18h30
Árbitro: Elmo Alves Resende

Atlético-PR
Neto; Manoel, Rodolpho, Leandro; Alan Bahia, Fransergio, Chico, Paulo Baier e Márcio Azevedo; Maykon Leite e Bruno Mineiro.
Técnico: Paulo César Carpegiani

Vitória
Vinícius; Nino, Vilson, Wallace e Egídio; Vanderson, Neto Coruja, Fernando e Lenilson; Júnior e Evandro.
Técnico: Ricardo Silva