Vitória empata no final da partida

O Vitória batalhou muito e conseguiu arrancar um empate, por 2 a 2, contra o Goiás, aos 44 minutos do segundo tempo, com o meia Soares. O jogo aconteceu na noite desta quarta-feira, no Barradão, em Salvador, foi válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

A partida terminou com uma confusão generalizada. Isso porque, após o apito final do árbitro, o técnico Leão e seus jogadores agrediram repórteres de imprensa de Salvador, ainda dentro do gramado. O treinador e o atacante Rafael Moura eram os mais exaltados. O jogador chegou a desferir socos e pontapés em um repórter.

Com o resultado final, o Vitória está na oitava colocação, com 13 pontos ganhos, enquanto, o Goiás fica com 12, em 14° lugar.

Muita emoção
O jogo começou morno, sem muitas emoções. Vitória e Goiás se respeitavam muito e pouco criavam. A primeira boa chance aconteceu aos 19 minutos para o Vitória. Elkson recebeu na esquerda e bateu cruzado, a bola tirou tinta da trave.

O Goiás jogava no contra-ataque e se deu bem aos 30 minutos. Rafael Moura recebeu belo lançamento e na saída do goleiro bateu. Viáfara caiu mal na bola, melhor para o He-Man que saiu comemorando com seus companheiros.

A comemoração aumentou dois minutos depois, quando Rafael Moura cruzou uma bola na cabeça de Everton Santos, que livre, testou para o fundo das redes. Ampliando a vantagem para 2 a 0.

Se já estava fechado, com a vantagem se fechou mais ainda, dando espaço para o Vitória, que fez o primeiro aos 47 minutos. Elkeson cruzou a bola para área. Ricardo Conceição, livre, no segundo pau, cabeceou com força, no canto esquerdo de Rodrigo Calaça que nada pode fazer.

Pressão e empate
O Vitória voltou para etapa final pressionando de todos os modos para chegar ao gol de empate. Logo aos cinco minutos Fernando arriscou de fora da área e o goleiro Rodrigo Calaça fez uma excelente defesa, espalmando para escanteio.

Aos 28 minutos, o Vitória chegou mais uma vez. Schwenck chutou cruzado da ponta esquerda da grande área. A bola passou na frente de Jonas, na cara do gol, que não chegou a tempo para completar para o fundo das redes.

Quando todo mundo achou que o Leão ia empatar, o árbitro estragou a festa. Aos 40 minutos, Ramon mandou para o fundo das redes em lindo chute de voleio. No entanto, o assistente marcou impedimento de Soares, que teria atrapalhado o lance, desviando da bola.

Mas, o Vitória empatou o jogo aos 44 minutos do segundo tempo. Soares arriscou o chute de fora da área. Mal posicionado, o goleiro Rodrigo Calaça não foi bem para a bola e o Vitória conseguiu empatar o jogo.

Próximos jogos
O Goiás volta aos gramados no próximo domingo, às 16 horas, em Goiânia, às 16 horas, contra o Atlético-PR. Já o Vitória enfrenta no sábado, às 18h30, o Grêmio Prudente, em Presidente Prudente.

Ficha Técnica

Vitória 2 x 2 Goiás

Local: Barradão, em Salvador-BA
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez-RJ
Auxiliares: Rodrigo Pereira Joia-RJ e Vinícius da Vitória Nascimento-RJ
Cartões Amarelos: Anderson Martins e Wallace (Vitória); Welligton Monteiro, Marcão e Amaral (Goiás)
Gols: Rafael Moura aos 30’/1T e Everton Santos aos 32’/1T (Goiás); Ricardo Conceição aos 47’/1T e Soares aos 44’/2T (Vitória)

Vitória
Viafara; Nino (Jonas), Wallace, Anderson Martins, Egídio; Neto, Ricardo Conceição, Fernando (Schwenck), Ramon; Elkeson (Soares) e Júnior.
Técnico: Ricardo Silva

Goiás
Calaça; Carlos Alberto, Rafael Toloi, Ernando e Wellington Saci (Marcão); Jonilson, Amaral, Wellington Monteiro e Bernardo (Romerito); Éverton Santos (Valmir Lucas) e Rafael Moura.
Técnico: Emerson Leão