Vitória joga mal e fica no empate com o Guarani

Na noite desta quinta-feria o Vitória perdeu uma grande oportunidade de colar no G-4 ao ceder o empate em 1 a 1 com o Guarani, no Barradão, e se manteve na 11ª colocação com 21 pontos conquistados.

A partida começou com o Vitória indo para cima do Guarani e na primeira grande chance acabou convertendo aos 11 minutos, quando Júnior recebeu um bom passe dentro da área, girou e chutou no canto esquerdo do goleiro do Guarani, abrindo o marcador para o time Rubro-Negro.

O Vitória voltou a assustar o gol do goleiro do Bugre aos 25 minutos, quando Bida cobrou falta da entrada da área e acertou o canto esquerdo do Guarani, mas o arqueiro do time campineiro fez uma bela defesa e colocou a bola para escanteio.

Após esse lance, o Vitória continuou com o domínio do jogo até perto do final da primeira etapa, quando o Bugre cresceu e teve duas oportunidades de igualar o marcador. Na primeira, Ricardo Xavier girou em cima de Reniê e chutou cruzado, obrigando Viáfara a fazer uma bela defesa.

Um minuto depois, o time de Campinas fez uma boa jogada pela lateral do campo e Mário Lúcio cruzou na cabeça de Baiano, mas o meia acabou colocando a bola pela linha de fundo.

O Vitória começou o segundo tempo com tudo, e aos seis minutos, Bida fez uma boa jogada e cruzou para Elkeson. O meia desviou de cabeça e obrigou o goleiro do time campineiro a fazer uma grande defesa, o que evitou o segundo gol do Leão.

A resposta do time campineiro aconteceu aos 18 minutos, quando Mário Lúcio cobrou escanteio e o zagueiro Ailson cabeceou no canto esquerdo do goleiro Viáfara e para sorte do torcedor Rubro-Negro, o meia Renato acabou salvando em cima da linha.

O jogo parecia tranquilo para o Vitória quando, aos 29 minutos, o árbitro marcou pênalti depois da bola ter batido na mão de Reniê, resultando na expulsão do zagueiro. Na cobrança, Rômulo bateu no meio sem chances para o goleiro Viáfara, empatando a partida.

No final do jogo, Fernando cobrou falta com categoria e obrigou o goleiro do Guarani a fazer uma bela defesa, mas o jogo terminou empatado em 1 a 1.

Vitória 1 x 1 Guarani
Campeonato Brasileiro – Série A – 16ª rodada
Data:
26/08/2010
Local: Barradão, em Salvador(BA)
Arbitragem: Gutemberg de Paula Fonseca (RJ), auxiliado por Dibert Pedrosa Moisés(RJ) e Ediney Guerreiro Mascarenhas(RJ).

 Vitória: Viáfara, Eduardo, Wallace, Reniê e Egídio; Vanderson, Bida, Renato (Fernando) e Elkeson; Henrique (Evandro) e Júnior (Kléber Pereira). Técnico: Toninho Cecílio

 Guarani: Emerson, Rodrigo Heffner, Ailson, Fabão e Márcio Careca; Renan, Preto (Geovane), Paulo Roberto e Baiano (Diogo); Mário Lúcio e Ricardo Xavier (Rômulo). Técnico: Vagner Mancini