Vitória 0 x 0 Atlético-GO: Agora é amargar a 2ª Divisão

Em uma partida marcada por emoções e muita vontade, o Vitória acabou empatando com o Atlético-GO em 0 a 0, neste domingo, no Barradão, e foi rebaixado para segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

O Vitória começou a partida com o apoio de seu torcedor e tentando a todo custo marcar um gol o quanto antes para poder ter maior tranquilidade no jogo, enquanto o time do Atlético-GO tentava de toda forma se defender  e explorar as jogadas que sobrassem para o time goiano.

Mas o nervosismo era evidente nas duas equipes e os principais lances só aconteceram no final da primeira etapa. Quando aos 35 minutos, Fernando cobrou falta com perigo e Junior se antecipou, porém o goleiro do Atlético fez uma bela defesa.

Três minutos depois, a defesa do Vitória acabou batendo cabeça e Juninho, sem ângulo, chutou com perigo aproveitando um vacilo do goleiro Viáfara junto com o sistema defensivo do Rubro-Negro.

No segundo tempo, o Vitória voltou com toda força, tentando de todas formas abrir o marcador. Aos 7 minutos, Elkseon fez uma bela jogada e cruzou na cabeça de Junior. O “Diabo Loro” mais uma vez conseguiu se antecipar à defesa do time goiano, mas acabou colocando para a linha de fundo.

Porém, dois minutos depois, o atacante Juninho acabou aproveitando uma falha do zagueiro Anderson Martins, que furou a jogada, e parou na cara do gol. O jogador do Atlético driblou o goleiro Viáfara e colocou para o gol, mas o volante Neto Coruja acabou salvando em cima da linha.

Só que o Vitória, com maior volume de jogo, tentava ir para cima e marcar o gol e aos 14 minutos, Egídio cruzou a bola e a redonda acabou indo para a meta do time goiano, mas Márcio fez uma bela defesa. No rebote, Henrique – de cabeça – acabou errando a meta de Márcio.

Mas a equipe do Atlético continuava tentando surpreender nos contra-ataques. Aos 28 minutos, Elias recebeu um belo passe, porém na hora de concluir acabou acertando o volante Neto Coruja, deixando os jogadores goianos reclamando um pedido de pênalti.

Após esse lance, Gabriel Paulista acabou sentindo a situação e foi expulso. O Atlético, com um a mais, acabou tendo uma maior posse de bola e controlou o empate até o final do jogo. 

Vitória 0 x 0 Atlético-GO
Campeonato Brasileiro Série A – 38ª rodada
Data:
05/12/2010 (Domingo), às 16h (Horário de Salvador).
Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA).
Arbitragem: Sálvio Spínola (SP), auxiliado Émerson Augusto de Carvalho (SP) e Marrubson Melo Freitas (DF).

 Vitória: Viáfara, Nino, Gabriel, Anderson Martins e Egídio; Neto Coruja, Uelliton, Fernando (Ramon) e Henrique (Schwenck); Adaílton (Elkeson) e Júnior. Técnico: Antônio Lopes.

 Atlético-GO: Márcio, Adriano, Wélton Felipe, Gílson e Thiago Feltri; Agenor, Pituca, Róbston e Elias (Anaílson); Juninho (William) e Marcão. Técnico: Renê Simões.

fonte:  futebolbaiano.net