Seis jogos

O técnico Paulo Roberto Falcão ganhou mais um problema no Bahia. Nesta segunda-feira (11), Zé Roberto foi suspenso por seis jogos por agressão ao árbitro Péricles Bassols, na derrota do tricolor para o Grêmio, no dia 24 de maio, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Foto: Agência Haack

Com a suspensão, o jogador só voltará a ficar a disposição do treinador na 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Coritiba, no dia 22 de julho. Zé foi denunciado pela procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) no artigo 254-A, por agressão física durante a partida. Na súmula do jogo, o árbitro relatou que teria sido chutado, apesar de não ter consigo identificar o agressor.

Zé Roberto se defendeu alegando que o chute ocorreu devido ao nervosismo da partida.

– Não é da minha índole esse tipo de atitude. Nunca agi de maldade com ele e nunca tive problema algum com o árbitro. Estava com a cabeça quente, mas não sou assim. Sempre fui calmo e tranquilo, fora e dentro de campo – disse.

Além do meia, os volantes Hélder e Fahel, expulsos durante a mesma partida, também foram julgados, mas ambos foram apenas advertidos pelo tribunal e estão livres para jogar no próximo domingo (17) contra o Sport, pela quinta rodada do Brasileirão.