São Paulo 2 x 1 Internacional – Mesmo derrotado, Inter esta na final da Libertadores

Na noite desta quinta-feira, o São Paulo jogando em casa, pela partida de volta da semifinal da Libertadores, acabou vencendo o Internacional por 2 a 1, masfoi eliminado. Com isso o Colorado como havia vencido por 1 a 0, no Beira Rio, e por ter feito um gol fora de casa, garantiu a vaga para pegar o Chivas-MEX na final da competição, e de quebra garantiu a vaga no Mundial de clubes, já que o time mexicano não pode garantir uma vaga jogando pelo continente Sul Americano.

Movimentado
São Paulo e Internacional fizeram um primeiro tempo bastante movimentado, mas quem teve a primeira chance de gol foi o Tricolor do Morumbi, aos seis minutos. O atacante Dagoberto recebeu lançamento, saiu da zaga e bateu forte, a bola passou a esquerda do goleiro Renan.

No minuto seguinte o Internacional responde. Depois de cobrança de falta de D’Alessando, a bola passou por toda a área, mas o goleiro Rogério Ceni bem colocado fez a defesa com muita segurança.

O Colorado continuava no ataque, e aos 14 minutos, o atacante Alecsandro. Ele arrisou um belo chute de fora da área, fazendo com que Rogério Ceni fizesse a defesa em dois tempos.

O São Paulo respondeu, aos 16 minutos. O volante Hernanes recebeu na entrada da área, driblou um zagueiro e arriscou o chute, a bola passou a direita do goleiro Renan com muito perigo.

A partida era lá e cá, e o Internacional, teve uma grande oportunidade com Taison, aos 21 minutos. O atacante recebeu passe de D’Alessandro, avançou e chutou forte, rasteiro de fora da área. Rogério Ceni caiu no canto esquerdo, espalmou a bola para o lado e Miranda afastou para longe.

Aos 24 minutos, a defesa do São Paulo saiu jogando errado, o meia Tinga ficou com a bola, e tentou por cobertura, mas ele pegou mal na bola e Rogério Ceni bem colocado fez a defesa.

Gol!
Apesar do jogo está muito igual, o São Paulo abriu o placar, aos 30 minutos. Hernanes cobrou falta na meia direita. A bola chegou na primeira trave, Renan saiu do gol, tentou encaixar a bola, mas falhou. O zagueiro Alex Silva aproveitou, e no rebote, completou para o gol de cabeça.

O último lance de perigo do primeiro tempo, foi para o Internacional, aos 40 minutos. O juiz marcou na entrada da área, de Fernandão em cima de Alecsandro. Na cobrança de D’Alessandro, a bola passou por cima do gol, levando muito perigo ao Rogério Ceni.

Volta sensacional

Assim como na primeira etapa, o segundo tempo também foi bastante movimentado, e em menos de dez minutos, saíram dois gols na partida, uma para cada lado. O primeiro gol foi para o Internacional, aos seis minutos. D’Alessandro cobrou a falta. A bola foi rasteira, passou pela barreira, Alecsandro desviou de calcanhar e a bola entrou no canto direito de Rogério Ceni, que saltou, mas não alcançou.

Aos oito minutos, o São Paulo fez o segundo. Jean cruzou da direita, Renan saiu de soco e tirou a bola da área. No rebote, Cléber Santana chutou rasteiro de fora da área, a bola chegou em Ricardo Oliveira, que livre de marcação, bateu para o gol na saída do goleiro. 2 a 1.

Quase o Internacional conseguiu chegar ao empate, aos 18 minutos. Sandro foi lançado na área e cruzou rasteiro para Tinga, na marca do pênalti, que dominou e chutou colocado e a bola explodiu em Jean, que faz o corte na sequência, tirando o sufoco da área.

Dois minutos mais tarde, o Tricolor chegou bem. O volante Hernanes driblou o zagueiro Índio e arriscou o chute de fora da área. O chute saiu forte e foi por cima do gol, rente ao travessão de Renan.

Pressão Tricolor
Aos 32 minutos, Jean tocou de calcanhar para Hernanes, que avançou pela ponta direita e cruzou para a área. Fernandão subiu entre a zaga, desviou de cabeça e a bola saiu com muito perigo à direita do gol de Renan.

Depois da expulsão de Tinga do Internacional, aos 35 minutos, o São Paulo continuava pressionando, e aos 36 minutos, teve outra chance. Hernanes enfiou a bola para a área e Kléber afastou. No rebote, o mesmo Hernanes chutou forte para o gol e mandou a bola sobre o travessão.

FICHA TÉCNICA

São Paulo 2 x 1 Internacional

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo-SP
Árbitro: Carlos Amarilla-PAR
Auxiliares: Yegros Nicolás Adolfo -PAR e Saldívar Milcíades-PAR
Cartões amarelos: Fernandão (São Paulo) Kléber e Tinga (Internacional)
Cartão vermelho: Tinga (Internacional)
Gols: Alex Silva, aos 30’/1T, Ricardo Oliveira, aos 8’/2T (São Paulo); Alecsandro, aos 6’/2T (Internacional)

São Paulo
Rogério Ceni; Jean, Alex Silva, Miranda e Junior César; Rodrigo Souto (Marcelinho Paraíba), Hernanes e Cléber Santana (Marlos); Fernandão, Dagoberto (Fernandinho) e Ricardo Oliveira.
Técnico: Ricardo Gomes

Internacional
Renan; Nei, Bolívar, Índio e Kléber; Sandro, Guiñazu, Tinga e D’Alessandro (Giuliano); Taison (Wilson Mathias) e Alecsandro.
Tècnico: Celso Roth

fonte:   futebolinterior.com.br