Publicidade


Respirou!

Bem postado na defesa e segurando a pressão da Ponte Preta, o Bahia venceu a equipe paulista na noite desta quarta-feira (15), por 2 x 0, no estádio Moisés Lucarelli, pela décima sétima rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Com este resultado, o tricolor saiu da zona de rebaixamento, chegando aos 16 pontos na 15º posição na tabela de classificação. E na próxima rodada, sábado, a equipe comandada por Caio Júnior vai encarar o Náutico, nos Aflitos.

Gabriel marca e tricolor é pressionado pela Ponte Preta
Sonhando em sair da zona de rebaixamento da Série A, o Bahia procurou resolver a parada logo no início do jogo e em uma jogada rápida de contra-ataque abriu o placar na casa do adversário. O atacante Souza, aos dez minutos, deu uma de garçom e lançou Gabriel na entrada da área. O jogador tricolor penetrou e chutou forte, no ângulo de Edson Bastos.

A partir daí, a Ponte teve que correr atrás do prejuízo e pressionou bastante os visitantes. Dois minutos após o gol baiano, a Macaca teve a chance do empate. Caio tocou para Roger dentro da grande área, mas antes de chutar em gol, o centroavante paulista foi interceptado por Marcelo Lomba.

Já aos 26 foi a vez de Marcinho testar o arqueiro tricolor. O meia alvinegro bateu falta rasteira, obrigando Lomba a realizar uma linda defesa. Dez minutos depois, André Luís pegou um rebote, livre na área, e colocou no fundo das redes. Contudo, o árbitro viu falta de ataque dos mandantes.

E antes de terminar a etapa inicial, aos 45, no apagar das luzes, Roger recebeu cruzamento sozinho na grande área e cabeceou para fora, perdendo uma excelente oportunidade de deixar tudo igual em Campinas.
Ponte pressiona, tricolor marca novamente e segura triunfo
Logo no início do segundo tempo, o Bahia adotou a estratégia do primeiro: pressionar o alvinegro. E com um lance de categoria, Gabriel achou Souza, que virou sozinho na frente de Edson Bastos. Porém, na hora do chute, o atacante tricolor bateu para fora.

Pressionando o tricolor em seu campo ofensivo, a Ponte foi para o tudo ou nada. E aos 18, teve outra chance com Roger. O atacante alvinegro aproveitou falha do zagueiro Alysson e cruzou na área, mas o volante Diones estava esperto e cortou o lance.

No desespero, a Ponte criou outra grande oportunidade aos 39. Depois de confusão na área, Roger bateu na saída do goleiro Marcelo Lomba, que deu rebote nos pés de Giancarlo. O atacante da equipe mandante chutou de primeira, mas Fabinho apareceu para salvar o tricolor.

E antes de terminar o jogo, o tricolor fechou o caixão alvinegro. Souza recebeu passe de Lulinha, após boa jogada do meia, e tocou na saída de Edson Bastos, estufando as redes dos mandantes.

FICHA TÉCNICA
SÉRIE A
Ponte Preta 0 x 2 Bahia
Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 15/08/2012
Árbitro: Wagner dos Santos Rosa (RJ)
Auxiliares: Jackson Massara dos Santos (RJ) e Paulo Cesar Silva Faria (MT)
Gols: Gabriel (10/1º) e Souza (44/2º)

Ponte Preta: Edson Bastos; Gerônimo (André Luís), Tiago Alves, Diego Sacoman, Uendel; Baraka, Somália (Giancarlo); Cicinho, Marcinho (Nikão) e Caio; Roger. Técnico: Gilson Kleina.

Bahia: Marcelo Lomba; Diones, Lucas Fonseca, Alysson (Dudu) e Hélder; Fabinho, Victor Lemos, Mancini e Zé Roberto (Caio); Gabriel (Lulinha) e Souza. Técnico: Caio Jr.

Fonte: Bahia Notícias