Publicidade


Renê tem pedido de comutação negado

Quando retornou ao Fazendão há cerca de um mês, o goleiro Renê tinha a expectativa de ter o pedido de comutação acatado, mas um comunicado que chegou no início da tarde desta terça-feira vindo do STJD, acabou com os planos do goleiro voltar a vestir a camisa do Bahia antes do cumprimento total da pena.

“Tomei uma goleada dos caras, 3 a 0. Recebi a informação agora de tarde, através do André Araújo e isso serve como lição para auto medicação, tenho que aguardar setembro e agora eu tenho que aguardar. Só peço que seja igual para todos”, desabafou o goleiro.

Questionado sobre a possibilidade de abandonar a carreira, o goleiro negou. “Já sofri o tempo todo e seria covarde se eu desistisse. Agora vou esperar uma situação de contrato  e vou ter que aguardar até setembro”.

Sobre a sequência de treinamento, o goleiro pediu um tempo para pensar. “Vou para São Paulo para esfriar um pouco a cabeça, mas a diretoria através de Paulo Angioni e o treinador René Simões me deram total força para, quando eu quiser, poder voltar a treinar”.

fonte: arenanordeste