Publicidade


René Simões é apresentado no Fazendão

Confirmado no final da manhã desta quinta-feira, o técnico René Simões concedeu entrevista coletiva de apresentação no Fazendão, onde comentou sobre a felicidade de poder voltar a treinar o Bahia e pediu paciência ao torcedor do Bahia.

“É um orgulho uma emoção voltar a dirigir o Bahia falei para os jogadores para entenderem a história do Bahia”, comemorou o treinador do Tricolor. Questionado se havia assistido o jogo contra o Atlético-PR, o técnico comentou. “Assisti a partida. No primeiro tempo a equipe parecia estar meio desorganizada, mas no segundo tempo a equipe evoluiu bastante”.

Sobre reforços para o Brasileiro, o treinador prefere pensar um passo a cada vez. “Temos que pensar no jogo de domingo, pois é de extrema importância para o Bahia. No Brasileiro já existem algumas ideias e me mostraram não estar parado”, comentou o treinador.

René também falou da fama de filósofo. “Acho que o profissional tem que ser conhecido pelas conquistas embora eu ache que deveria ser pelo conjunto. Eu consegui classificar uma seleção que não era profissional para Copa do Mundo (Jamaica). Coloquei as seleções sub-17 e sub-20 para o mundia,l deve ter sido muita teoria. Ganhei quatro títulos no Quatar e fui o único com esse feito, mas pelo visto foi só teoria. Sem falar em ter subido no pódio das Olímpiadas com a seleção feminina”.

O treinador também pediu paciência à torcida. “Acho que nação tricolor tem que pegar e jogar junto com o time. Quando temos esse apoio, as coisas complicam para os adversários”, finalizou René.