No Engenhão

O Bahia vai ao Rio de Janeiro enfrentar o Botafogo neste sábado, 7, às 18h30, no estádio do Engenhão, com a missão de tentar estragar o clima de festa da torcida do Fogão devido a contratação do meia holandês Seedorf, que será apresentado oficialmente antes da partida. O tricolor baiano já passou por algo muito parecido na terceira rodada, quando empatou com o Atlético-MG em 1 a 1 na partida que marcava a apresentação do meia Ronaldinho Gaúcho na equipe mineira.

Mesmo com o jogo fora de casa, Falcão não deve optar por uma formação defensiva, pelo menos, em tese. O experiente Kléberson fará sua estreia como titular na partida e jogará como segundo volante, ao lado de Fahel. Diones, até então titular da posição, ficaria como reserva, mas devido a uma amigdalite, não viajou para o Rio de Janeiro.

No ataque, o time terá o retorno de Souza, que volta após uma ausência de quase dois meses, fora dos gramados desde o dia 13 de maio, no Ba-Vi que deu o título baiano ao Esquadrão. Elias será o seu companheiro no ataque tricolor, deixando Jones como opção durante a partida.

Curiosamente, Souza joga sua primeira partida na Série A deste ano justamente contra o Botafogo, equipe contra a qual costuma fazer a comemoração do “chororô”, criada no período que defendeu no Flamengo, para provocar a torcida do alvinegro carioca. Ano passado, Souza marcou dois gols em cima do Botafogo, no empate em 2 a 2 em São Januário pela Série A.

Derrotas em casa – Com nove pontos, o Botafogo (que tem uma partida a menos devido a um jogo adiado contra o Corinthians) está apenas dois pontos à frente do Bahia, mas na tabela aparece seis postos acima do adversário baiano (9ª posição para o alvinegro carioca, 15º lugar para o tricolor baiano).

A diretoria do time carioca conta com uma boa presença de público para recepcionar o craque Seedorf e também para ajudar a impulsionar o desempenho do time no Engenhão, que em três jogos em casa ganhou apenas uma partida (4×2 do São Paulo) e perdeu as outras duas (2×3 contra o Cruzeiro e 1×2 contra a Ponte Preta).

Enquanto o time vive uma entressafra com a saída (Maicossuel, Herrera e Loco Abreu) e chegada (Rafael Marques, ex-Omiya Ardija-JAP, e o uruguaio, Nicolás Lodeiro, ex-Ajax-HOL) de jogadores, o técnico Oswaldo de Oliveira aposta no futebol de Elkeson, jogador formado na base do Vitória, como única referência no ataque do Botafogo para a partida.

Botafogo x Bahia – 8ª rodada da Série A 2012.

Botafogo: Jefferson; Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Márcio Azevedo; Lucas Zen, Renato, Vítor Júnior, Andrezinho e Cidinho; Elkeson. Técnico: Oswaldo de Oliveira.
Bahia: Marcelo Lomba; Fabinho, Danny Morais, Titi e Hélder ; Fahel, Kléberson, Gabriel e Mancini; Elias e Souza. Técnico: Paulo Roberto Falcão.
Local: Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro(BA).
Data: Sábado, 6 de julho.
Horário: 18h30.
Árbitro: Raphael Claus (SP).
Assistentes: Marcelo Van Gausse e João Chaves (ambos de SP).

FOnte: A Tarde