Lopes comanda treinos com bola

A exemplo do que ocorreu no Ba-Vi de domingo passado, quando o Vitória eliminou o rival e garantiu o direito de decidir o título baiano de 2011, Antonio Lopes, nesta quinta-feira, modificou o esquema tático do rubro-negro.

Na segunda parte do coletivo-tático, Lopes trocou Elkeson por Neto e o time ganhou um homem de referência no ataque.

O treinamento da manhã desta quinta-feira seria físico, mas Lopes combinou a mudança com o preparador Ednilson Sena, e comandou um proveitoso trabalho no qual colocou em prática seus planos para o primeiro jogo das finais do Campeonato Baiano, domingo, contra o Bahia de Feira, às 16 horas, em Feira de Santana.

Liberado pelo departamento médico, após se tratar de uma tendinite no joelho, o zagueiro Alison treinou normalmente. O único a ficar de fora do treino com bola foi o zagueiro Léo Fortunato, que voltou a se queixar de dores no dorso do pé direito e fez tratamento.

Tarde
À tarde, depois da chuva, Lopes levou os jogadores novamente para o campo 3 do CT Manoel Pontes Tanajura, e desta vez treinou a parte defensiva do time e ensaiou jogadas.

O assistente técnico Ricardo Silva exigiu dos atacantes, especialmente Neto, Nikão e Elkeson, no treinamento de finalização.

Geovanni, com indisposição intestinal, foi poupado do treinamento no turno da tarde. Léo Fortunato também ficou de fora.

Durante o treinamento de finalização, o goleiro Douglas pisou em falso, e como se queixava de dores no tornozelo, o médico José Olímpio Azevedo preferiu retirá-lo de campo para tratamento.

Nesta sexta-feira, pela manhã, Lopes volta a comanda o penúltimo treino antes da viagem do time para Feira de Santana. O técnico, após o trabalho, relacionará os jogadores que viajarão sábado à tarde e concentrarão nesta sexta-feira.