Joel Santana é demitido pelo presidente do Bahia

A quarta passagem de Joel Santana pelo Bahia chegou ao fim. E da forma mais melancólica possível. Contratado pelo Bahia um dia depois da goleada sofrida por 5 a 1 para o Vitória e da demissão de Jorginho, o treinador deixa o comando da equipe após um tropeço ainda mais vergonhoso. Neste domingo, o Bahia perdeu por 7 a 3 para o rival, no primeiro jogo da decisão do Campeonato Baiano. Após a partida, o treinador disse que não teria o que falar e que deveria ir para casa “esperar o que iria acontecer”. E o acontecido foi sua demissão, decidida na manhã desta segunda-feira pelo presidente Marcelo Guimarães Filho. Um dos nomes cotados para assumir o Bahia é Renato Gaúcho. Cristóvão Borges também agrada a diretoria.

Depois de ter treinado o Bahia em 1994, 1999 e 2011, Joel Santana foi chamado como bombeiro para o Bahia neste ano. Apesar de ter afirmado que o Tricolor precisava dele, o técnico não conseguiu reverter a situação da equipe na temporada. Com Joel Santana, a equipe só venceu duas partidas pelo estadual – as duas contra o Juazeiro pela semifinal. Foram ainda três empates e duas derrotas. Um aproveitamento de 42,8% nos sete jogos em que esteve à frente da equipe, todos pelo Baiano, já que ele não estreou na Copa do Brasil.

Informações:Globoesporte