Inglaterra 1 x 0 Eslovênia

Foi sofrido, mas a Inglaterra conseguiu sua primeira vitória nesta edição da Copa do Mundo, nesta quarta-feira, ao derrotar a Eslovênia, por 1 a 0, no estádio Nelson Mandela Bay, em Port Elizabeth, pela terceira rodada do Grupo C da competição.

A vitória levou a Inglaterra aos cinco pontos terminando sua participação na primeira fase, na segunda posição, avançando para a próxima fase, aguardando seu adversário, que sairá dos jogos das 15h30, do Grupo D. Já a Eslovênia foi eliminada devido a vitória dos Estados Unidos sobre a Argélia.

O jogo
Precisando apenas de um empate para garantir vaga na próxima fase da competição, a Eslovênia entrou em campo com uma estratégia de jogo bem definida, tocar a bola e esperar uma brecha no sistema defensivo inglês para tentar surpreender o adversário.

Por outro lado, com três modificações em relação ao time da última partida e marcando a saída de bola do adversário, a seleção inglesa apostava na criatividade de sua dupla de meio-campo, Gerrard e Lampard, para sair com uma vitória.

A primeira chance clara de gol veio pelo lado esloveno. Aos sete minutos, o meia Birsa puxou contra-ataque pelo lado direito, cortou para o meio e resolveu arriscar um chute de fora da área. Bem colocado, o goleiro David James defendeu no meio do gol.

Porém, depois dos quinze minutos do primeiro tempo, a Inglaterra adiantou sua marcação e passou a levar mais perigo ao time adversário. Aos 23 minutos, veio o prêmio pela estratégia inglesa.

Saint Dafoe
O atacante do Totenham, Jermaine Dafoe, foi reserva nos primeiros jogos e entrou no lugar de Heskey, recebeu cruzamento vindo da direita de Milner, antecipou a zaga adversária, e tocou na saída do goleiro Handanovic, que ainda tentou evitar o gol, mas não conseguiu.

O gol deu tranquilidade ao time inglês, que criou mais duas chances antes do final do primeiro tempo. Primeiro após cruzamento de Milner, onde o goleiro Handanovic cortou para o meio da área e o meia Lampard, sem goleiro, chutou para fora.

Depois foi a vez de Dafoe perder a chance de ampliar. O autor do gole finalizou no canto direito e o goleiro da Eslovênia fez grande defesa, mas deu rebote. Rooney pegou a sobre, ajeitou para Gerrard, que chutou para excelente defesa de Handanovic, que conseguiu se recuperar e evitar o gol.

Segundo tempo
A Inglaterra não estava disposta a dar sopa ao azar e logo no primeiro minuto assustou o time adversário. A defesa eslovena afastou mal e a bola saiu para lateral, Rooney bateu rápido e o goleiro Handanovic não conseguiu segurar e a bola sobrou para Dafoe, que desviou, mas a bola acabou saindo.

A superioridade da Inglaterra permanecia no segundo tempo, deixando o time esloveno com dificuldades para atacar e começar suas jogadas. O domínio dos ingleses era muito grande e Rooney chegou perto de marcar o segundo, mas foi impedido pela trave.

A primeira chance de gol dos eslovenos na partida veio apenas aos 23 minutos. Novakovic recebe cruzamento da esquerda, corta um zagueiro e tenta a finalização, mas a bola bate na defesa. Na sobre, Dedic isola.

No final do jogo o time da Eslovênia tentou esboçar uma pressão, mas a defesa inglesa conseguiu evitar que a zebra pastasse pelos campos do estádio de Port Elizabeth.

Ficha técnica

Inglaterra 1 x 0 Eslovênia

Local: Estádio Nelson Mandela Bay, em Port Elizabeth
Árbitro: Wolfgang Stark (Alemenha)
Cartões amarelos: Glen Johnson (Inglaterra); Jokic, Birsa, Dedic (Eslovênia)
Gols: Dafoe, aos 23’/1T (Inglaterra)

Inglaterra
David James; Glen James, John Terry, Upson e Ashley Cole; Barry, Gerrard, Lampard e Milner; Dafoe (Heskey) e Rooney (Joe Cole)
Técnico: Fábio Capello

Eslovênia
Handanovic; Brecko, Suler, Cesar e Jokic; Korem, Krim (Matavz), Birsa e Radosavljevic; Novakovic e Ljubijankic (Dedic)
Técnico: Matjas Kek