Guaraní x Vitória: É o jogo do ano para o Rubro-Negro

O Vitória enfrenta o Guarani, neste domingo, em Campinas, num jogo decisivo na luta contra o rebaixamento no Brasileirão-2010. Em caso de derrota, o Rubro-negro corre o risco de entrar no Z4, se Atlético-MG e Atlético-GO também vençam seus jogos.

O treinador Antônio Lopes esconde a escalação da equipe até a hora da partida, e só divulga quem começa jogando nos vestiários do Brinco de Ouro. O esquema 4-4-2 será utilizado novamente com Gabriel Paulista e Thiago Martinelli formando dupla de zaga, e Anderson Martins, que sentiu um desconforto muscular, correndo por fora.

No meio-campo, Neto Coruja, que volta de suspensão, fará companhia a Uelliton, Bida, Ramon e Elkeson, com o “Diabo Loiro” Júnior mais fixo na área. Adailton treinou entre os titulares durante a semana e pode entrar no decorrer da partida.

No time campineiro, a situação é mais complicada. Há seis jogos sem balançar as redes e com o pior ataque da competição com 31 gols marcados, as principais armas do treinador Vágner Mancini são os velocistas Apodi e Mazola. O volante Baiano está suspenso e é desfalque importante do lado do Bugre.

Guarani x Vitória
Campeonato Brasileiro – Série A – 36ª rodada
Data:
14/11/2010 (Domingo), às 16h (Horário de Salvador)
Local: Estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP)
Arbitragem: Evandro Rogério Roman (PR), auxiliado por Gilson Bento Coutinho (PR) e Bruno Boschilia (PR)

 Guarani: Emerson; Apodi, Ailson, Aislan e Márcio Careca; Maycon, Paulo Roberto, Preto e Diego Barboza; Mazola e Douglas Técnico: Vagner Mancini

 Vitória: Viáfara; Nino, Gabriel Paulista, Thiago Martinelli (Anderson Martins) e Jonas (Egídio); Neto Coruja, Uelliton, Bida e Ramon; Elkeson (Adailton) e Júnior. Técnico: Antônio Lopes