Flamengo é declarado campeão brasileiro de 1987

A presidente Patricia Amorim externou a felicidade por ter conseguido o reconhecimento do título brasileiro de 1987 em uma entrevista oficial na Gávea. Ela demonstrou enorme satisfação por ter convencido o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, de que o Flamengo era legitimamente campeão e, com isso, obter a homologação da conquista. Patricia se apresentou ao lado do presidente da Federação Carioca, Rubens Lopes, de quem teve o apoio na briga pelo reconhecimento do título.

– Se ainda havia alguma dúvida em cima de mim, das minhas competências como  presidente de brigar pelos interesses do Flamengo… encontrei o Flamengo com  cinco títulos brasileiros, seis conquistados dentro de campo, mas faltava um para  ser reconhecido. Hoje, o Flamengo tem seis títulos conquistados dentro de campo,  reconhecidos e homologados – explicou a presidente, que está perto de um rompimento com o Clube dos 13, pois alega não ter sido apoiada por ele quando a CBF emitiu novo comunicado afirmando que apenas o Sport era legitimamente campeão brasileiro de 1987.

– De concreto ainda não tem nada. Sem rompimento, pelo menos por enquanto. Nosso trabalho foi buscar esse reconhecimo, uma coisa não  tem uma relação direta com a outra. Temos uma reunião na quarta-feira, ainda  mantemos a relação com o Clube dos 13. Esperamos 23 anos pelo reconhecimento, podemos esperar mais um dia pelo futuro. O Flamengo se pronunciou de uma forma sempre correta, com  grandeza. Vamos buscar o que é o melhor para o Flamengo sempre. O Flamengo ficou desconfortável com o não posicionamento do Clube dos 13, não
houve uma posição correta – disse.

com informações do lancenet!