Estreia de Nicácio

Sem poder contar com três dos seus principais jogadores, entre eles o artilheiro Neto Baiano, que está suspenso, o Vitória encara o ASA a partir das 19h30 desta terça-feira, 17, de olho na liderança da Série B do Campeonato Brasileiro.Para tanto, o rubro-negro, atualmente na segunda colocação com 22 pontos ganhos, precisa vencer o time alagoano e torcer para que o Criciúma, líder com 25 pontos, perca para o ABC, em jogo que começa às 21h50. É que o Tigre tem um gol de saldo a mais que o Leão, que tem nove.

Além do artilheiro do Brasil, o técnico Paulo César Carpegiani terá os desfalques do lateral-esquerdo Mansur e do atacante Marco Aurélio, ambos lesionados. Carpegiani já anunciou que Dener será o dono da camisa 6; o treinador, no entanto, diz ter dúvidas para definir a linha de frente, mas admite a possibilidade de escalar três atacantes, entre eles Marcelo Nicácio, que já está regularizado.
Já a equipe arapiraquense, com apenas dez pontos conquistados e na 15ª posição, faz até então uma campanha ruim no torneio. Contra o Vitória, o time jogará desfalcado do zagueiro Audálio, do volante Jorginho e do meia Didira, todos suspensos.
Em noite de rodada cheia, também jogam Joinville x Ipatinga, Guarani x Goiás, Ceará x São Caetano, Boa Esporte x CRB, Avaí x Atlético-PR, Barueri x Bragantino, América-MG x Guaratinguetá, Paraná x América-RN.

Vitória – A impossibilidade de utilizar os atacantes Neto Baiano, Marco Aurélio e Dinei deu trabalho ao técnico Paulo César Carpegiani, durante a última semana de treinamentos.É que o treinador se manteve em dúvida até mesmo após o treinamento da última segunda-feira, 16, quando admitiu a possibilidade de mandar a campo um time formado por três atacantes. Brigam pela titularidade Leílson, Marquinhos, Willian e Marcelo Nicácio. Este último é o mais cotado para ficar com a vaga de Neto Baiano.

Mas as mudanças do Vitória não se resumem apenas ao ataque: com a lesão do lateral-esquerdo Mansur, Dener está confirmado como titular; no meio campo, por opção de Carpegiani, Eduardo Ramos ganha vaga e Tartá vai para o banco.
Dono do segundo melhor ataque do campeonato, o Leão já balançou as redes em 21 oportunidades. O time contabiliza duas derrotas e um único empate. Segundo maior vencedor, o rubro-negro já triunfou sete vezes, três delas fora de casa, o que lhe confere o título de melhor visitante da Série B.

ASA – O time comandado por Heriberto da Cunha não terá o zagueiro Audálio, o volante Jorginho e o meia Didira, que receberam o terceiro cartão amarelo e cumprem suspensão.Para completar, o treinador não sabe ainda se poderá contar com os laterais Maicon e Chiquinho, que se recuperam de lesão e ainda dependem de liberação do departamento médico.

O ASA venceu três partidas, empatou uma e perdeu seis. Com 10 gols marcados e 14 gols sofridos.

ASA x Vitória – 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.
Local: Estádio Municipal Arapiraca, em Arapiraca-AL.
Data: Terça-feira, 17 de julho.
Horário: 19h30.

ASA: Gilson; Maicon, Fabiano, Gaúcho e Chiquinho (Edson); Cal, Geovane, Valdívia e Elvis (Lucas); Lúcio Maranhão e Jacaré. Técnico: Heriberto da Cunha.
Vitória: Douglas; Nino Paraíba, Gabriel Paulista, Victor Ramos e Dener; Uelliton, Michel, Pedro Ken e Eduardo Ramos; Marquinhos e Nicácio. Técnico: Paulo César Carpegiani.

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA).
Auxiliares: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Victor Oliveira Cruz (SE).

Fonte: A Tarde