Cruzeiro derrota Palmeiras e é bicampeão brasileiro

O Cruzeiro conquistou o bicampeonato do Brasileiro Sub-20 de forma invicta, na noite desta terça-feira, em Canoas, ao derrotar o Palmeiras nos pênaltis, após empate sem gols no tempo regulamentar.

O goleiro Douglas Pires fez duas intervenções e Thiaguinho efetuou a cobrança que deu o título à Raposa.

O camisa 11 foi eleito o melhor jogador da competição e também terminou como o artilheiro com sete gols marcados.

– Foi um jogo difícil. O time deles é muito bom. Jogamos com dois a mais, mas não desistimos. Tinha de ser decidido nos pênaltis e foi decidido – comentou Thiaguinho.

O Cruzeiro atuou durante o segundo tempo com dois jogadores a mais. A despeito da vantagem numérica, os cruzeirenses não conseguiram furar a defesa do Palmeiras.

Foi a segunda conquista da Raposa do torneio. Em 2007, o time comandado pelo técnico Enderson Moreira venceu o Internacional na decisão.

Na competição, os cruzeirenses fizeram sete partidas, venceram quatro e empataram três.

O time de Alexandre Grasseli terminou o torneio com o ataque mais positivo: foram 17 gols marcados.

A base cruzeirense que conseguiu o título foi formada há dois anos, quando os jogadores estavam no juvenil. Somente três jogadores estão no último ano de júnior: o goleiro Pires, o volante Uchôa e o atacante Thiaguinho. Boa parte do time disputará a Copa São Paulo, em janeiro