Publicidade


Corinthians luta muito, mas empata com Del Valle em Quito e cai na Sul-Americana

Acabou o sonho do Corinthians de conquistar a Copa Sul-Americana. Na noite desta quarta-feira, em Quito, no Equador, o time de Fábio Carille mostrou garra, ficou duas vezes na frente do Independiente Del Valle no placar (gols de Boselli e Clayson), maslevou o empate em dois lances de contra-ataque: 2 a 2 (gols de Sánchez e Cabeza), resultado que classificou os equatorianos para a decisão, já que haviam vencido na ida por 2 a 0, em Itaquera. O Del Valle fará a final contra o vencedor do duelo entre Colón e Atlético-MG (os argentinos venceram na ida por 2 a 1, e a volta será nesta quinta, em Belo Horizonte). A decisão da Sul-Americana será em jogo único, dia 9 de novembro, em Assunção, no Paraguai.

Aos 36 minutos do segundo tempo, com o jogo empatado em 1 a 1, Danilo Avelar foi derrubado na área por Sánchez. Depois de dois minutos de revisão no VAR, o árbitro Piero Daniel Maza Gomez, do Chile, deu o pênalti para o Timão. Clayson foi para a cobrança e converteu, colocando fogo no jogo, já aos 41. Faltava um golzinho para o Corinthians. Mas o Independiente Del Valle, aos 44, marcou o segundo gol, com Cabeza, empatando novamente o jogo e acabando com a reação corintiana.

Com um título na temporada (o do Paulistão), mas já muito distante do líder Flamengo no Brasileirão (13 pontos), o Corinthians fica agora só com o torneio nacional pela frente e deve ter como principal objetivo neste fim de ano a conquista de uma vaga na Libertadores de 2020. Atualmente, o Timão ocupa a quinta colocação (com um jogo a menos do que os rivais diretos).

O Corinthians volta a jogar agora pelo Brasileirão, no domingo, às 11h, contra o Vasco, em Itaquera. Por conta do jogo pela Sul-Americana diante do Independiente Del Valle, o compromisso do Corinthians pela 21a rodada do Brasileirão, que seria nesta quarta (25), será na semana que vem, diante da Chapecoense, em Chapecó.

Fonte: Globo Esporte