Conselho Deliberativo aprova as

 

 

 

 

Reunido nesta segunda-feira, com a presença de dezenas de conselheiros, em reunião ordinária convocada pelo presidente José Alves Rocha, o Conselho Deliberativo do EC Vitória aprovou o parecer do Conselho Fiscal referente às contas do exercício de 2013 na gestão do ex-presidente Alexi Portela Júnior.

Antes da votação do parecer foi feita a apresentação do balanço e DRE (Demonstrativo de Resultado) do exercício 2013.

O presidente Carlos Falcão usou da palavra para enfatizar que “não existe crise no Vitória” e pediu aos conselheiros que não permitam que “aventureiros queiram retornar ao clube”. “Nós estamos insatisfeitos (com o desempenho do time), decepcionados, mas vamos dar a volta por cima”, completou o dirigente, aplaudido.

Presidida por José Alves Rocha, a reunião foi realizada, conforme edital de convocação, no complexo Barradão, estacionamento interno da presidência.

Compuseram à mesa o presidente do Conselho Diretor, Carlos Falcão, o presidente em exercício do Conselho Fiscal, Raimundo Dias Viana, o ex-presidente e presidente licenciado do Conselho Fiscal, Alexi Portela Júnior, os vices do Conselho Deliberativo, Silvoney Sales, e do Conselho Diretor, Epifânio Carneiro, e o diretor de Esportes Olímpicos, Mário Ferrari, que secretariou a reunião.

Novo executivo de futebol do clube, Luiz Felipe Ximenes, foi apresentado aos conselheiros pelo presidente Falcão.

Também durante a reunião, por sugestão de Silvoney Sales, foi observado um minuto de silêncio em homenagem ao torcedor rubro-negro Lucas Lima, o “Chapolin”, que era puxador da Os Imbativeis, e foi assassinado a tiros na sexta-feira (25).

Reprodução ECvitoria