Bahia x Guaratinguetá – Tricolor precisa acabar com a “Síndrome do Pituaçu”

Sem vencer em casa há quase um mês, o Bahia quer quebrar o incômodo tabu neste sábado para se distanciar dos concorrentes diretos à uma vaga na elite do Campeonato Brasileiro. Pela 27ª rodada da Série B, o time tricolor recebe o Guaratinguetá, às 16h10, em Salvador.

A situação na tabela, apesar de boa, não é confortável, principalmente após empate sem gols com o Duque de Caxias. Dono de 45 pontos, o Bahia, quarto colocado, pode ser ultrapassado pelo Sport, que recebe o lanterna Ipatinga em Recife. Enquanto isso, o Guaratinguetá ocupa uma posição intermediária na tabela, com 38 pontos, mas ainda crê em chance de acesso, e vem de um empate com o Bragantino, por 1 a 1.

Qual o problema?
O Bahia vem tendo um bom desempenho longe de casa, mas diante de seus torcedores a história é diferente. Sem conseguir embalar, o Tricolor espera acabar com a “síndrome do Pituaçu” neste sábado, quando recebe o Guaratinguetá.

Agora, o time baiano espera voltar a dar alegria para a torcida e conquistar um resultado positivo, garantindo mais uma vez a presença no G4. O meia Morais declarou que todos precisam controlar a ansiedade se o gol não sair logo no começo do jogo e para isso quer o apoio vindo das arquibancadas.

“O problema maior que nossa equipe vem enfrentando nas partidas no Pituaçu ficam por conta da ansiedade. Nós tentamos fazer os gols logo no começo e quando isso não acontece, acaba desestabilizando os nossos jogadores e também a nossa torcida”, afirmou meia.

Para o confronto, o técnico Márcio Araújo não vai poder contar com o atacante Jael, que acabou sendo expulso na última rodada e pode pegar alguns jogos de suspensão. Por outro lado, o lateral-direito Jancarlos volta após ser liberado pelo Departamento Médico, enquanto Marcone assume a vaga no meio-campo de Bruno Octávio. No ataque, Adriano e Éverton terão a missão de balançar as redes. O experiente Mendes sequer foi relacionado.

Guará sonha com elite!
Esperançoso em conquistar uma das quatro vagas na elite do Campeonato Brasileiro, o Guaratinguetá visita o Bahia neste sábado e quer tirar pontos de um concorrente direto ao acesso. Por isso, o técnico Roberto Fonseca precisará superar desfalques importantes no time titular.

O volante Galiardo e o atacante Lúcio Flávio cumprem suspensão automática neste sábado e sequer viajaram a Salvador. Já o zagueiro Everton e o lateral esquerdo Renato Peixe são dúvidas, pois não foram totalmente liberados pelo departamento médico.

“Temos um elenco de muita qualidade, e quando perdemos um jogador por qualquer motivo, sabemos que temos substitutos à altura, o que nos dá certa tranquilidade”, afirmou o treinador, confiante no bom aproveitamento dos reservas.

Boas notícias são poucas. O volante Célio está recuperado de lesão muscular e, se tudo der certo no treino desta sexta, atuará na vaga de Galiardo. Quem também volta é o atacante Serginho, recuperado de contusão.

FICHA TÉCNICA

Bahia x Guaratinguetá

Local: Estádio Pituaçu, em Salvador-BA
Data: 09/10/2010
Horário: 16h10
Árbitro: Wladyerisson Silva Oliveira-CE
Assistentes: Thiago Gomes Brigido-CE e Marcos Antonio da Silva Brigido-CE

Bahia
Fernando; Jancarlos, Nen, Alison e Ávine; Fábio Bahia, Marcone, Helder e Morais; Adriano e Everton.
Técnico: Márcio Araújo.

Guaratinguetá
Jaílson; Éder, Jorge Luiz, Gustavo Bastos e Renato Peixe (Régis); Goéber, Célio, Léo Silva e Marcinho; Vágner Carioca e Serginho.
Técnico: Roberto Fonseca.