Bahia x América-MG: Necessidade de triunfo

Em queda livre na tabela, o Bahia recebe o América-MG nesta quinta-feira, às 20h30, no Estádio de Pituaçu, em Salvador, pelo Campeonato Brasileiro. O Bahia somou apenas dois pontos nos últimos quatro jogos e tenta se livrar do fantasma de uma ressaca chamada ‘Jóbson’. Já o América terminou o primeiro turno na lanterna e quer dar a volta por cima na segunda parte da competição.

Depois de quatro jogos sem vitória, o Bahia está na 16ª posição, com 20 pontos conquistados e está cada vez mais ameaçado pela zona do rebaixamento. A tendência é só piorar com a dispensa de Jóbson. O técnico Renê Simões faz de tudo e até escala um bom time no papel, mas os jogadores não rendem o que se espera deles, complicando a equipe.

Já o América-MG pode começar a se preparar para a Série B de 2012 se não der uma sacudida geral em seu elenco. O time terminou o primeiro turno na última colocação com 13 pontos e apenas duas vitórias. Além disso, o Coelho não conseguiu vencer nenhuma fora de casa. Entretanto, uma de suas duas vitórias, foi justamente contra o Bahia, na estreia do Brasileirão, quando venceu por 2 a 1, dentro de casa. A outra vitória, 14 rodadas depois, foi contra o Fluminense por 3 a 0.

Bahia sem xerifão!
O Bahia não vive uma fase boa. Embora tenha sempre andado pelo meio da tabela, na reta final do primeiro turno o time teve de lidar com muitos problemas extra-campo, o que culminou na dispensa de Jóbson, e no elenco que não se acertou em campo, mesmo com nomes badalados.

Para essa partida, o técnico Renê Simões terá alguns desfalques. O zagueiro Titi, xerifão e um dos líderes do grupo, está suspenso e não enfrenta o Coelho. Em seu lugar, Danny Morais ganha uma oportunidade. Marcelo Lomba está fora pelo mesmo motivo e será substituído pelo goleiro Tiago (foto), ex-Portuguesa e Vasco.

A ausência mais sentida do Bahia será a do lateral-esquerdo Ávine. O atleta ficará cerca de um mês e meio parado, pois fará ainda nesta semana uma artroscopia no joelho direito. Ávine já tinha ficado de fora da partida contra o Ceará por conta das dores, mas a lesão é mais séria do que inicialmente se pensava. Dodô, seu substituto no último jogo, não agradou e agora Maranhão jogará na lateral.

Com o trabalho de Renê Simões sendo contestado pela torcida, mas garantido pela diretoria, o atacante Souza falou sobre o que é preciso para o time vencer. “Precisamos evitar falar algumas coisas nos treinamentos e se doar um pouco mais, o grupo se fechar um pouco mais para poder tentar vencer. Daqui a pouco, se a gente piscar os olhos, nós vamos acabar na zona de rebaixamento”.

Coelho com retornos e desfalques!
Turno novo, vida nova. Esse deve ser o lema do América-MG nos vestiários. Cansados de apanhar no Brasileirão, os jogadores estão focados em dar a volta por cima nesse segundo turno. O zagueiro Gabriel lembra que faltam 19 partidas e que toda a força e tranquilidade para sair da situação tem que partir dos jogadores.

Para a partida contra o Bahia, o Coelho terá de quebrar o tabu de ainda não ter vencido fora de casa na competição. Para isso, o time conta com a má fase do Tricolor e com o retorno de alguns jogadores. Micão, Dudu e Gilson voltam e serão titulares nesta quinta-feira.

A má notícia pra Givanildo Oliveira (foto) é que o América não conta só com retornos. Terá de superar alguns desfalques também. O atacante Alessandro foi diagnosticado com um estiramento no músculo adutor da coxa direita e é desfalque certo. Além disso, de última hora o técnico Givanildo ganhou mais um problema. O zagueiro Gabriel, com dores na panturrilha, desfalca o time contra o Bahia.

Para o lugar de Gabriel, quem começa jogando é William Rocha. O jogador vai atuar na zaga e manter o esquema de três zagueiros, formando o trio ao lado de Micão e Otávio. No ataque, Kempes e André Dias serão os titulares, mas Fábio Júnior estará no banco e pode ser a aposta do Coelho para o segundo tempo.

Ficha Técnica

Bahia x América
Fase
Única
Rodada
20ª
Data
01/09/2011
Horário
20h30
Local
Estádio Pituaçu, em Salvador

Árbitro
Fabricio Neves Correa-RS

Assistentes
Altemir Hausmann-RS e Kleber Lucio Gil-SC

Bahia

Tiago;
Marcos, Paulo Miranda, Danny Morais e Maranhão;
Fabinho, Fahel, Marcone e Carlos Alberto;
Reinaldo (Jones) e Souza.

Técnico: Renê Simões

América

Neneca;
Micão, Otávio e William Rocha;
Marcos Rocha, Amaral, Dudu, Rodriguinho e Gilson;
Kempes e André Dias.

Técnico: Givanildo Oliveira