Bahia vence Flamengo e anuncia Joel Santana

O Bahia fez um primeiro tempo impecável na tarde deste domingo, pela 21ª rodada, no Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, contra o Flamengo, venceu por 3 a 1 e com certeza animou o técnico Joel Santana, anunciado no início da tarde como o novo treinador do Tricolor baiano para a seqüência do Brasileirão. Todos os gols saíram do primeiro tempo, inclusive o de Renato, para o rubro-negro carioca.

Com a derrota em casa, o Flamengo perde a chance de assumir a vice-liderança do Campeonato Brasileiro, já que o Vasco da Gama perdeu para o América-MG, em Minas, por 4 a 1 e ficou com 38 pontos. Cariocas permancem com 36 pontos e estão na quinta colocação. Já o Bahia, com este importante resultado, chega aos 24 pontos e sobe para a 15ª colocação – três pontos atrás do primeiro na zona de rebaixamento, o Atlético-MG, com 21 pontos.

Momentos antes do início do jogo no Engenhão, a diretoria do Bahia confirmou a contratação do seu novo técnico para a seqüência do Brasileirão. Trata-se de Joel Santana, demitido na última semana pelo Cruzeiro e que agora tem a missão de afastar o clube do perigo da zona de rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro de 2012. Apesar de confirmado, “Papai Joel” deverá desembarcar em Salvador apenas na terça-feira para assinar o contrato.

Tricolor arretado
Mesmo jogando fora de casa e já sabendo que Joel Santana é era o novo técnico do clube para a seqüência do Brasileirão, o Bahia começou melhor o jogo no Engenhão e nos primeiros dez minutos chegou com muito mais perigo do que o Flamengo. A primeira tentativa veio logo aos dois minutos, quando Reinaldo cruzou na área Souza e Felipe saiu bem e conseguiu ficar com a bola. Numa outra oportunidade, Jancarlos chegou em velocidade pela lateral e cruzou; quando Souza ia bater a zaga do rubro-negro antecipou e afastou o perigo.

O Flamengo aos poucos melhorava e teve seu primeiro lance de perigo aos 14 minutos. Após Botinelli dominar bola, ele cruzou na área para Deivid, que de primeira chutou e o fez o goleiro Tiago cair para praticar defesa. Quando os cariocas começavam a gostar do jogo, o Tricolor baiano chegou bem aos 22 minutos e deu um verdadeiro banho de água. Após cruzamento da direita, a bola desviou na zaga e sobrou para o zagueiro Titi, que sem marcação não teve trabalho para abrir o placar: 1 a 0.

O Flamengo não demorou muito para responder e aos 29 minutos conseguiu o empate em cobrança de falta. Excelente cobrador e conhecido pelas “bombas” que dá, o meia Renato chutou e contou com um desvio na barreira para deixar tudo igual. O goleiro Tiago ainda tentou chegar na bola mas não conseguiu evitar. O jogo estava movimentado e os gols não pararam de sair. Aos 33 os baianos voltaram a ficar na frente do placar. Souza fez bom passe para Dodô, que numa boa chutou colocado e correu para o abraço.

Novamente atrás do placar, o rubro-negro carioca teve que sair novamente para o jogo para buscar o resultado de igualdade. Quando ainda tentava o segundo gol, no final do primeiro tempo a situação ficou ainda mais complicada. Aos 45, Souza aproveitou confusão no meio na área e de cabeça fez o terceiro para o Bahia.

Mengo tenta, mas…
Atrás no placar, Vanderlei Luxemburgo fez logo no início do segundo tempo três alterações para tentar mudar o panorama do jogo para o Flamengo. Apesar de ter colocado Negueba e Diego Maurício, a defesa do Tricolor estava muito bem postada e afastava qualquer possibilidade de sofrer um gol. Num dos poucos lances que conseguiu criar e contar com o vacilo do adversário, Thiago Neves tocou para Negueba e o jovem atacante chutou, porém, muito mal e sobre o gol de Tiago.

O que se via era um Flamengo desesperado e sem organização para conseguir pelo menos diminuir o marcador. A juventude e inexperiência de alguns jogadores, como Negueba, aos poucos começaram a aparecer – abusou das jogadas individuais e em lances que era para tocar para algum companheiro preferia chutar sem direção ao gol de Tiago.

Sem espaço e criação, o segundo do Flamengo no Engenhão chegou a acontecer aos 44 minutos com Negueba, porém, o árbitro apitou e marcou posição de impedimento. O lance aconteceu quando Renato chutou, a bola tocou em Fahel e sobrou tranqüila para o atacante marcar.

Próximos jogos!
Pela 22ª rodada do Brasileirão, o Flamengo volta a campo na próxima quinta-feira (pós-feriado), às 21h50, em São Paulo, diante do líder Corinthians. Já o Tricolor baiano, no mesmo dia, mas a partir das 20h30, encara no Pituaçu o ameaçado de rebaixamento, Grêmio.

Ficha Técnica

Flamengo
1
x
3
Bahia
Fase
Única
Rodada
21ª
Data
04/09/2011
Horário
16h00
Local
Estádio Engenhão, no Rio de Janeiro

Árbitro
Alício Pena Júnior

Assistentes
Marcelo Bertanha Barison e Tatiana Jacques de Freitas

Renda
R$ 264.370,00
Público
9.755 pagantes

Cartões Amarelos
Flamengo:Ronaldo Angelim, Renato, Gustavo
Bahia:Tiago, Fabinho, Ricardinho, Carlos Alberto, Reinaldo

Gols
Flamengo: Renato 29′ 1T
Bahia: Dodô 33′ 1T, Souza 45′ 1T, Titi 22′ 1T

Flamengo

Felipe;
Léo Moura (Fierro), Ronaldo Angelim, Gustavo e Junior César;
Willians, Renato, Thiago Neves e Botinelli (Negueba);
Jael e Deivid (Diego Maurício).

Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Bahia

Tiago;
Jancarlos, Paulo Miranda, Titi e Dodô;
Fabinho, Fahel, Ricardinho e Carlos Alberto (Diones);
Reinaldo (Jones) e Souza (Junior).

Técnico: Eduardo Barroca (interino)