Bahia perde na estreia de Joel

Num jogo onde cada time dominou um tempo, o Grêmio freou a reação do Bahia e venceu por 2 a 1, nesta quinta-feira, em Salvador, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Contratado no último domingo, o técnico Joel Santana fez sua estreia no time baiano, e não foi feliz. O time gaúcho foi melhor nos primeiros 45 minutos e abriu 2 a 0 com gols de Brandão e Escudero. O Bahia dominou a etapa final e descontou com Souza, mas não teve forças para empatar.

Depois da animadora e convicente vitória sobre o Flamengo, o Bahia voltou a mostrar muitas falhas e fica na 16ª colocaçao, com 24 pontos. Já o Grêmio venceu a sgeunda partida seguida e começou a subir na tabela, ocupando atualmente a 13ª colocação com 27 pontos, e um jogo a menos que os concorrentes.

Tricolor deita e rola em Pituaçu!
O Grêmio veio a campo com esquema tático cauteloso, bem ao estilo Celso Roth, com apenas Brandão no ataque e cinco homens no meio-campo. Aproveitando-se disso, o Bahia começou o jogo no ataque e pressionando o tricolor gaúcho. No entanto, o time anfitrião encontrava muitas dificuldades para furar o bloqueio defensivo do time gaúcho e praticamente não levava perigo ao gol de Victor.

Tanto que a primeira boa chance foi do Grêmio, logo ao quatro minutos. Escudero deu belo passe para Julio Cesar na área, o lateral pegou de primeira e Tiago fez uma bela defesa. Apesar de chegar com menos frequência ao ataque, o time gáucho seguia levando mais perigo. Aos 18 minutos o goleiro Tiago foi obrigado a trabalhar mais uma vez. Brandão recebeu passe açucarado de Douglas dentro da área e encheu o pé, para boa defesa do camisa 1 dos donos da casa.

Melhor distribuído em campo, o gol do Grêmio, que era questão de tempo, saiu aos 28 minutos. Brandão aproveitou cruzamento perfeito de Julio César pela esquerda, e marcou de cabeça, no segundo pau. O gol colocou a equipe baiana em parafuso, e o Tricolor gaúcho passou a ter o domínio completo da partida. Assim, não foi difícil chegar ao segundo gol, aos 34 minutos. O argentino Escudero pegou rebote de cabeçada de Brandão na trave e bateu forte, estufando a rede do Bahia.

A vida dos anfitriões poderia ter ficado ainda pior aos 43 minutos. Douglas fez bela jogada individual e Fabinho fez a falta fora da área, mas o árbitro Felipe Gomes da Silva marcou pênalti. O próprio Douglas foi para a bola, mas pegou muito mal e isolou, mandando por cima do gol. Os donos da casa foram para os vestiários debaixo de vaias.

Bahia volta aceso e reage!
O Bahia voltou para o segundo tempo com uma mudança. O lateral Maranhão entrou na vaga de Jancarlos. Mas o que mudou mesmo foi a postura do time baiano, que retornou mais ligado. Aos três minutos o Bahia quase descontou com Souza, que recebeu cruzamento na medida de Carlos Alberto e cabeceou para o gol, obrigando Victor a fazer grande defesa. Três minutos depois foi a vez de Reinaldo ter a chance. Ele recebeu na entrada da área, fez o giro em Saimon, mas na hora de finalizar chutou para fora.

A pressão dos anfitriões deu resultado e aos 12 minutos o Bahia descontou o placar. Reinaldo recebeu na entrada da área, fez o giro em cima de Edcarlos e foi derrubado na área. O árbitro marcou pênalti que Souza bateu no canto direito e marcou o primeiro do Tricolor da Boa Terra. O Bahia seguiu melhor em busca do empate, e quase deixou tudo igual aos 28 minutos com Jones, que acabara de entrar. Ele limpou o marcador e arriscou de fora a área, para boa defesa de Victor.

Valente, o Bahia não desistiu e lutou pelo empate até o final, enquanto o Grêmio abdicou de jogar e só se defendia. Aos 41 minutos o time baiano só não deixou tudo igual graças a grande defesa de Victor. Carlos Alberto foi até a linha de fundo e cruzou na medida para Jones, que cabeceou no contra pé de Victor. O goleiro se recuperou e fez uma bela defesa. A última chance do Bahia foi aos 46 minutos. Reinaldo arriscou de fora da área e a a bola passou muito perto da meta gremista.

Próximos jogos
Pela 23ª rodada do Brasileirão, o Bahia vai até Sete Lagoas enfrentar o Atlético-MG, no próximo domingo, às 18 horas. O Grêmio, por sua vez, recebe o São Paulo no estádio Olímpico, no mesmo dia e horário.