Liverpool diz que não venderá Coutinho. TV diz que meia pediu para sair

A resistência da diretoria do Liverpool à tentativa do Barcelona de levar Philippe Coutinho foi oficializada em um comunicado. O clube inglês divulgou uma nota nesta sexta-feira, na qual deixa claro que não quer negociar o meia e que “nenhuma proposta será considerada”. O posicionamento dos Reds vem depois de o Barça fazer duas ofertas e preparar-se para realizar mais uma de € 120 milhões (R$ 448,5 milhões).

A reação de Coutinho à nota da diretoria, porém, pode não ter sido boa. O canal de TV “Sky Sports” apontou, logo depois da divulgação do comunicado, que o brasileiro entregou à diretoria um pedido oficial de transferência. Trata-se de uma estratégia comum na Inglaterra, onde os atletas não costumam ter multa rescisória e dependem do posicionamento das equipes para serem negociados.

– Queremos demonstrar clareza no que diz respeito a nossa posição sobre uma possível transferência de Philippe Coutinho. A posição definitiva do clube é que nenhuma proposta para Philippe será considerada, e ele continuará a ser um membro do Liverpool Football Club – diz o comunicado do Liverpool.

O clube inglês já recusou duas propostas do Barcelona por Coutinho: uma de € 80 milhões (€ 70 milhões fixos e € 10 milhões em bônus) e outra de € 100 milhões (€ 85 milhões fixos e € 15 milhões em bônus). A expectativa é que os catalães realizem outra oferta em breve: € 120 milhões. A transferência tem até o dia 31 de agosto para ser concluída, pois é quando se encerra a janela na Espanha.

O Barça já havia demonstrado interesse em outras oportunidades, mas passou a dar atenção total à negociação com o Liverpool depois da saída de Neymar para o PSG – que, além de deixar uma lacuna no elenco, oxigenou os cofres com € 222 milhões (R$ 820 milhões). A imprensa inglesa afirma que o jogador quer ir para o Camp Nou e, por isso, será difícil para os Reds mantê-lo.

Fonte: Ge