Emprestado ao futebol japonês, Edigar se despede do Bahia: ‘Eterna gratidão’

O que já era dado como certo, foi oficialmente confirmado no último sábado (12): Edigar Junio não vestirá a camisa do Bahia em 2019. Ele foi negociado por empréstimo ao Yokohama Marinos, do Japão, por uma temporada. Com o anúncio oficial do Esquadrão de Aço, o atacante usou as redes sociais para enviar uma mensagem de agradecimento.

“Não poderia deixar de registrar minha eterna gratidão ao Esporte Clube Bahia, clube o qual me acolheu e me permitiu viver momentos únicos e indescritíveis na minha carreira. Foram muitas histórias, momentos de alegrias, desafios, conquistas e também dificuldades, essas que me permitiram crescer como ser humano e profissional, me ensinaram a ter mais fé, paciência e resiliência. Sei que hoje faço parte da história desse clube e me sinto honrado e feliz por isso. O Bahia é um clube gigante e a sua torcida é fantástica, única”, escreveu o jogador.

“Saio pela porta da frente, com a certeza de que dei o meu melhor em cada partida e lutei junto com cada torcedor até o fim. Obrigado, Esquadrão de Aço! Até logo…”, completou.

Edigar Junio chegou ao Fazendão em 2016. De lá para cá, ele esteve presente e foi importante no acesso à Série A, na conquista da Copa do Nordeste em 2017 e o Campeonato Baiano de 2018. Em 142 partidas, ele marcou 44 vezes.

Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

por Ulisses Gama