Disputando título com Flamengo, Raí alerta para juízes cariocas em jogos do São Paulo

Com a derrota de virada para o Grêmio por 2 a 1, o São Paulo desperdiçou a chance de ultrapassar o Flamengo e assumir a liderança do Campeonato Brasileiro. O jogo aconteceu na última quinta-feira (26), em Porto Alegre, e foi válido pela 15ª rodada do certame. O diretor de Futebol do Tricolor paulista, Raí, alertou para o fato do trio de arbitragem ser composto por cariocas.

 

“Vale a pena pensar em todos esses critérios para evitar qualquer tipo… até porque no próximo jogo contra o Cruzeiro o árbitro também é carioca. É algo que temos de ficar atentos e as pessoas responsáveis que decidem também têm de pensar nesses aspectos”, afirmou.

 

O embate do São Paulo com o Cruzeiro, pela próxima rodada, marcado para domingo (29), às 16h, no Mineirão, será apitado novamente por um trio do Rio de Janeiro. O árbitro Wagner do Nascimento Magalhães terá Rodrigo Figueiredo Henrique Correa e Carlos Henrique Alves de Lima Filho como auxiliares. O clássico contra o Corinthians, que o terminou na vitória do Tricolor por 3 a 1, válido pela 14ª rodada, também foi mediado pelos cariocas Marcelo de Lima Henrique, Michael Correia e Silbert Faria Sisquim. Inclusive, Raí lembrou do gol de mão marcado por Jonathas a favor do Timão naquela partida. Além de cartões recebidos por são-paulinos nos últimos jogos.

 

“A gente lamenta ter perdido três jogadores para o jogo contra o Cruzeiro. Isso faz a gente pensar no critério dos cartões. Do Hudson nem foi falta. Ele pegou a bola e tomou cartão. Com 38 minutos o São Paulo a gente já tinha três cartões, três jogadores que perdemos. Não foi por isso que perdeu, é claro. O Grêmio teve seu mérito”, disse. “Mas é algo que nos preocupa. Contra o Flamengo tivemos o Araruna expulso injustamente. Contra o Corinthians sofremos um gol de mão. Sorte que a gente já estava com 3 a 0. São detalhes que vão nos desfalcar muito contra o Cruzeiro. O que nos deixou chateados foi o critério dos cartões que nos prejudicou muito para o próximo jogo”, completou.

 

Para o compromisso em Minas Gerais, o São Paulo não contará com o zagueiro Arboleda, o lateral-direito Éder Militão e o volante Hudson. Os três receberam cartão amarelo e vão cumprir suspensão automática. O Tricolor paulista segue na segunda colocação na tabela de classificação do Brasileiro com 29 pontos, dois a menos do que o líder Flamengo.