Atlético-PR pode ser punido por manifestação política em jogo

O Atlético-PR se envolveu em mais uma polêmica com a Justiça Desportiva. Após o caso da campanha de conscientização para o risco de uso de celular no trânsito, protagonizada pelo goleiro Santos, o Furacão fez uma manifestação política.

Na partida contra o América-MG, na véspera do primeiro turno das Eleições no país, os jogadores entraram em campo com uma camisa nas cores do Brasil com a frase: “Vamos todos juntos por amor ao Brasil”.

O slogan é utilizado por simpatizantes da campanha do candidato à presidência da república, Jair Bolsonaro. A manifestação foi relatada pelo árbitro Raphael Claus na súmula.

A punição ao clube pode ir de uma perda de pontos até a exclusão do Brasileirão. Porém, a FIFA pode abrir mão de qualquer punição.